PUB


Autismo e psicanálise

2017
luizabmotta@yahoo.com.br
Graduada em Psicologia na Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (Brasil)

Monografia apresentada ao Departamento de Psicologia da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro para obtenção do título de Bacharel em Psicologia

A- A A+
Autismo e psicanálise

Este estudo propõe enfatizar a questão do autismo através de uma revisão histórica que possibilita compreender sua entrada no campo da psiquiatria. O aumento significativo de pacientes diagnósticados com autismo que, inicialmente, eram tratados como psicóticos evidencia a importância de destingui-los e não confundi-los. A clínica dos distúrbios graves na infância requer uma série de cuidados. Torna-se necessário assim, compreender, por meio de uma revisão teórica, a eliminação progressiva das categorias nosológicas psicóticas da criança e a inclusão dos autismos. Buscando compreender melhor o autismo emergem as seguintes perguntas: Quem é esse sujeito? Como ele se constitui? Partindo do pressuposto da Psicanálise e, mais precisamente, dos conceitos Lacan, desenvolvemos esse estudo em busca de tais respostas.

 Ler texto integral em PDF