Declarações públicas e comentários em tv's e tais

As diferentes correntes e modelos teóricos. Novas abordagens e novos contextos de intervenção. A teoria e a prática, os conceitos e as estratégias. Preocupações éticas e deontológicas. etc.

Moderador: César

vectrapc
Psicólogo Registado (PT)
Psicólogo Registado (PT)
Mensagens: 1382
Registado: domingo mai 08, 2005 9:10 pm
Localização: lisboa

Declarações públicas e comentários em tv's e tais

Mensagempor vectrapc » segunda jul 11, 2011 9:24 pm

Gostaria de abrir aqui um debate público, para que possamos todos discutir o papel que os diversos psicólogos que aparecem na t.v. têm desempenhado.
Claro que existem alguns com ética que até posso dizer que fazem 1 bom trabalho, mas na sua maioria tenho visto muitos "disparates", opiniões sobre casos que não seguem, enfim, um sem número de atropelos à profissão e a todos os códigos de ética existentes e mais alguns.

Se é verdade que dão mais visibilidade ao nosso papel na sociedade, nem sempre é a mais indicada.
É melhor acender uma vela do que amaldiçoar a escuridão
Avatar do Utilizador
Zenobia
Membro Habitual*
Membro Habitual*
Mensagens: 152
Registado: quarta ago 10, 2005 8:33 pm
Localização: Lisboa

Re: Declarações públicas e comentários em tv's e tais

Mensagempor Zenobia » terça jul 12, 2011 8:20 am

Não tenho muito tempo para ver TV mas do pouco que vejo, à hora de almoço, em que apanho o fim dos programas da manhã, posso dizer que gostei das intervenções (bastante adequadas) que vi da Drª Ana Caetano (se não estou em erro), na SIC. É esclarecedora, sem entrar em detalhes e sem julgamentos.

Depois já tenho visto pessoas como o Hernani Carvalho (que além de jornalista tb é psicólogo, pelo menos há quem alardeie esse facto) a fazer comentários como se fossem donos da verdade, com a "mania" que sabem tudo.

Na altura do caso Renato Seabra/Carlos Castro ouvi alguns comentários menos adequados do Dr. Paulo Sargento (que até é um tipo porreiro, foi meu professor), nomeadamente quando, sem conhecer os factos em concreto, diagnosticou esquizofrenia ao Seabra :roll:

E depois há o Dr. Quintino.... :twisted:
Última edição por Zenobia em quarta jul 13, 2011 8:00 am, editado 1 vez no total.
Ana Rita
Psicólogo Registado (PT)
Psicólogo Registado (PT)
Mensagens: 1794
Registado: terça ago 31, 2004 1:44 pm
Localização: Lisboa

Re: Declarações públicas e comentários em tv's e tais

Mensagempor Ana Rita » terça jul 12, 2011 10:39 pm

Do que tenho visto o Quintino é mesmo o mais irritante... há dias andava ele de microfone na mão a dar entrevistas da treta às pessoas numa de total protagonismo. Acho que se lhe pedirem para girar uma espécie de roda da sorte com um fato qualquer de animal ele diz que sim... com a diferença de que tenta transmitir muita sabedoria. Esse Hernani...enfim, ainda bem que não é psicólogo. Parece que anda sempre com uma espada na mão: "querem porrada?" :lol: Quer transmitir que tem aquela coisa que se chama personalidade forte e que anda na moda dizer que temos... Uma coisa é certa: aqueles egos andam bem preenchidos, ao menos isso, haja felicidade! :lol:

Felizmente também há boas intervenções, mas penso que muitos dos bons profissionais muitas vezes não se prestam a estas coisas da comunicação social. É como na política, é preciso sempre outros ingredientes para além do conhecimento e da competência para se prestarem áquele papel de visibilidade. Tive professores que hoje em dia vão com frequência à T.V e estão longe de serem aqueles com quem realmente aprendi. Daí falar da questão da visibilidade, na medida em que os que aparecem não são necessariamente os melhores mas sim os que se disponibilizam (porque para estas coisas da televisão é necessário uma boa dose de paciência e disponibilidade a custo zero) e acabam por retirar frutos profissionais disso mais tarde (venda de livros, mais pacientes etc). É aí que está a moeda de troca e não apenas o altruísmo de informar e melhorar a psicologia no país. Não tenho nada contra, há que ser pró-activo, desde que nos representem bem.

Por outro lado, e falo por experiência própria, muitos jornalistas andam desesperados para encontrar um psicólogo que já e agora possa ir falar de um determinado tema porque precisam urgentemente de alguém para ontem (jornais, revistas cor de rosa, programas de julia e fatima lopes etc). É uma procura tipo páginas amarelas. O ritmo deles é alucinante a esse nível o que faz com que não percam tempo em perceber se o psicólogo tem competência para a área em que estão a pedir uma opinião. Querem é que o psicólogo aceite senão estão tramados para o fecho da revista ou para substituir o psicólogo que entretanto ficou engripado e não pode participar. Se a pessoa não tiver o discernimento de recusar algo que não seja da sua área, é natural que os resultados sejam os que por vezes observamos.
Se caíres sete vezes, levanta-te oito.
silver
Psicólogo Registado (PT)
Psicólogo Registado (PT)
Mensagens: 202
Registado: quinta mai 15, 2008 3:19 pm

Re: Declarações públicas e comentários em tv's e tais

Mensagempor silver » segunda jul 18, 2011 1:20 pm

Antes de mais, tem dias que concordo com o que estes Psicólogos mais mediáticos vão dizendo, tem outros que não concordo e tem outros que fico estupefacto com o que oiço. Portanto não é sempre tudo mau, mas o que acho mais curioso é a forma como estes profissionais que vão aparecendo com mais frequência, normalmente colados a um determinado canal (TVI e SIC) vão defendendo determinado ponto de vista de acordo com a bandeira desse mesmo canal. Lembro-me do caso da menina que estava aos cuidados de um Sargento que acabou por fugir com a menina porque o pai pediu a guarda da menina etc etc, lembro-me que na Sic na rubrica do Hernâni Carvalho defendiam a entrega da menina ao Pai e quem lá falava defendia isso mesmo e na TVI defendiam o contrário e os técnicos que lá falavam defendiam isso mesmo. Claro que esse tipo de situações confundem as pessoas… Isso vai acontecendo com bastante frequência e é curioso.
Nova
Psicólogo Registado (PT)
Psicólogo Registado (PT)
Mensagens: 57
Registado: sexta set 24, 2010 3:10 pm

Re: Declarações públicas e comentários em tv's e tais

Mensagempor Nova » sexta ago 05, 2011 2:54 pm

Ana Rita Escreveu:Do que tenho visto o Quintino é mesmo o mais irritante... há dias andava ele de microfone na mão a dar entrevistas da treta às pessoas numa de total protagonismo. Acho que se lhe pedirem para girar uma espécie de roda da sorte com um fato qualquer de animal ele diz que sim... com a diferença de que tenta transmitir muita sabedoria. Esse Hernani...enfim, ainda bem que não é psicólogo. Parece que anda sempre com uma espada na mão: "querem porrada?" :lol: Quer transmitir que tem aquela coisa que se chama personalidade forte e que anda na moda dizer que temos... Uma coisa é certa: aqueles egos andam bem preenchidos, ao menos isso, haja felicidade! :lol:

Felizmente também há boas intervenções, mas penso que muitos dos bons profissionais muitas vezes não se prestam a estas coisas da comunicação social. É como na política, é preciso sempre outros ingredientes para além do conhecimento e da competência para se prestarem áquele papel de visibilidade. Tive professores que hoje em dia vão com frequência à T.V e estão longe de serem aqueles com quem realmente aprendi. Daí falar da questão da visibilidade, na medida em que os que aparecem não são necessariamente os melhores mas sim os que se disponibilizam (porque para estas coisas da televisão é necessário uma boa dose de paciência e disponibilidade a custo zero) e acabam por retirar frutos profissionais disso mais tarde (venda de livros, mais pacientes etc). É aí que está a moeda de troca e não apenas o altruísmo de informar e melhorar a psicologia no país. Não tenho nada contra, há que ser pró-activo, desde que nos representem bem.

Por outro lado, e falo por experiência própria, muitos jornalistas andam desesperados para encontrar um psicólogo que já e agora possa ir falar de um determinado tema porque precisam urgentemente de alguém para ontem (jornais, revistas cor de rosa, programas de julia e fatima lopes etc). É uma procura tipo páginas amarelas. O ritmo deles é alucinante a esse nível o que faz com que não percam tempo em perceber se o psicólogo tem competência para a área em que estão a pedir uma opinião. Querem é que o psicólogo aceite senão estão tramados para o fecho da revista ou para substituir o psicólogo que entretanto ficou engripado e não pode participar. Se a pessoa não tiver o discernimento de recusar algo que não seja da sua área, é natural que os resultados sejam os que por vezes observamos.


Nem mais... O problema é que essa visibilidade conta para a maioria das pessoas como sinal de qualidade e não são raras as pessoas que pensam que se aparece na TV é porque é mesmo bom (isto vale para psis como médicos etc.) o que aparece na tv é que é bom e sabe o que diz... daí a perigosidade da coisa.

Outra palhaça que me estou a lembrar era a Dr Marta qualquer coisa que tinha aqueles programas do sexo na TVI? Aquilo era ridículo e eu não consegui ver mais de metade de um programa enfim... :roll:
Avatar do Utilizador
Zenobia
Membro Habitual*
Membro Habitual*
Mensagens: 152
Registado: quarta ago 10, 2005 8:33 pm
Localização: Lisboa

Re: Declarações públicas e comentários em tv's e tais

Mensagempor Zenobia » sexta ago 05, 2011 3:11 pm

A Marta Crawford, sim. Ela chegou a ir lá à faculdade dar umas aulas, às quais eu não assisti, portanto não posso comentar. Mas a propósito, contaram-me que, um dia destes, no Você na TV (programa da manhã na TVI), o Sr. Quintino esteve com uma senhora, que não me souberam identificar, a falar sobre vibradores. Tenho pena de não ter visto :mrgreen:
Nova
Psicólogo Registado (PT)
Psicólogo Registado (PT)
Mensagens: 57
Registado: sexta set 24, 2010 3:10 pm

Re: Declarações públicas e comentários em tv's e tais

Mensagempor Nova » sexta ago 05, 2011 4:38 pm

Zenobia Escreveu:A Marta Crawford, sim. Ela chegou a ir lá à faculdade dar umas aulas, às quais eu não assisti, portanto não posso comentar. Mas a propósito, contaram-me que, um dia destes, no Você na TV (programa da manhã na TVI), o Sr. Quintino esteve com uma senhora, que não me souberam identificar, a falar sobre vibradores. Tenho pena de não ter visto :mrgreen:


Não tenha pena porque só de imaginar na possibilidade de esses dois juntos :shock: credo! Não consigo descrever, não consigo imaginar!
Ana Rita
Psicólogo Registado (PT)
Psicólogo Registado (PT)
Mensagens: 1794
Registado: terça ago 31, 2004 1:44 pm
Localização: Lisboa

Re: Declarações públicas e comentários em tv's e tais

Mensagempor Ana Rita » sexta ago 05, 2011 11:21 pm

Zenobia Escreveu:A Marta Crawford, sim. Ela chegou a ir lá à faculdade dar umas aulas, às quais eu não assisti, portanto não posso comentar. Mas a propósito, contaram-me que, um dia destes, no Você na TV (programa da manhã na TVI), o Sr. Quintino esteve com uma senhora, que não me souberam identificar, a falar sobre vibradores. Tenho pena de não ter visto :mrgreen:


LOL, é o desespero pela fama :mrgreen: Muito bom!
Se caíres sete vezes, levanta-te oito.
Ana Rita
Psicólogo Registado (PT)
Psicólogo Registado (PT)
Mensagens: 1794
Registado: terça ago 31, 2004 1:44 pm
Localização: Lisboa

Re: Declarações públicas e comentários em tv's e tais

Mensagempor Ana Rita » quinta nov 03, 2011 12:13 am

PsiLia Escreveu:O maior problema é que: ambos precisam de terapia...um por não assumir a sua orientação sexual e o outro por ser um pouco egocêntrico demais e problemas sexuais também mal resolvidos...
Enfim...abstenho-me de tecer comentários!
Credo!!!


Ora aí está! 8) Não há falta de psicólogos que não se apercebem que ao comentar outros casos expõem completamente assuntos da sua vida privada. É uma profissão tramada....
Se caíres sete vezes, levanta-te oito.

Voltar para “Campos de Acção, Modelos e Exercício”

Quem está ligado:

Utilizadores neste fórum: Nenhum utilizador registado e 2 visitantes