Divórcio

Espaço dedicado ao público em geral: aqui poderá apresentar as suas questões e dúvidas, e contar com o apoio dos utilizadores deste fórum. IMPORTANTE: leia as Regras de Utilização antes de participar
Regras do Fórum
-----------
O Psicologia.pt não é responsável pelas intervenções dos vários participantes neste Fórum, sendo o teor desses conteúdos, bem como a utilização que se faça dos mesmos, da exclusiva e total responsabilidade de cada utilizador.
Com o objectivo de permitir o total anonimato, o fórum "Pergunte ao Psicólogo" é o único onde é possível a publicação de tópicos por utilizadores não registados.
Ao mesmo tempo, e como deve ser do entendimento de todos, o carácter "anónimo" dos fóruns faz com que este espaço não ofereça condições para interações que se desenvolvam para além da mera "troca de opiniões".
É expressamente proibida neste fórum a divulgação de serviços de psicologia bem como de quaisquer contactos de psicólogos (nomes, nºs de telefone, moradas e outros contactos).
O Psicologia.pt não se responsabiliza pelo rigor técnico e científico, idoneidade e respeito pelos princípios éticos e deontológicos de toda e qualquer participação.
rmonteiro
Membro Recém-Chegado
Membro Recém-Chegado
Mensagens: 1
Registado: quinta set 26, 2013 12:43 pm

Divórcio

Mensagempor rmonteiro » quinta set 26, 2013 8:10 pm

Boa tarde.

Separei-me muito recentemente, após uma série de eventos que acabou, inevitavelmente, em divórcio. Passados alguns dias e não conseguindo ainda perceber a razão da outra parte para as acusações de fui alvo, a minha questão é a seguinte: é possível que, muitas vezes, uma das partes acuse o outro de coisas que ela própria faz para, desse modo, sentir menos culpa? Refiro-me obviamente a infidelidade, seja ela de que tipo for. Se sim, isso tem algum nome ou é simplesmente...infidelidade? Peço desculpa se não sou claro o suficiente, mas agradecia qualquer comentário que me pudesse elucidar sobre isto. Falar com a pessoa em questão não é, de todo, uma hipótese, pelo que me restam canais como este. Obrigado

Voltar para “Pergunte ao Psicólogo”

Quem está ligado:

Utilizadores neste fórum: Nenhum utilizador registado e 6 visitantes