PUB


Outras Associações Portuguesas

  • AHCP Associação de Hipnose Clinica de Portugal
    Tem como objectivo contribuir para a regulamentação da prática da hipnoterapia, estabelecendo um Código de Ética para os seus membros como forma de garantir a qualidade na prática da hipnoterapia. É uma associação sem fins lucrativos que visa divulgar a hipnose clínica junto do público em geral, promover a pesquisa científica na área da hipnose, a formação contínua e a supervisão clínica dos seus membros.
  • APAFam - Associação Portuguesa de Apoio à Família
    A APAFam - Associação Portuguesa de Apoio à Família, surgiu da necessidade premente do apoio que as famílias portuguesas necessitam face às dificuldades do quotidiano, quer a nível social, de saúde e bem-estar. Este projecto pretende vir a criar uma estrutura global de intervenção na sociedade, implicando diversos órgãos e instituições privadas e públicas. A APAFam é uma associação privada de solidariedade social, sem fins lucrativos e constitui-se enquanto referência nacional no apoio à família. Somos um grupo de pais e técnicos, com personalidade jurídica própria, não vinculada a nenhum organismo do Estado, partido político ou grupos de interesses, aberta a todas as pessoas de qualquer crença e etnia, que tem como única finalidade a defesa e apoio dos valores da Família.
  • APDM - Associação Portuguesa de Doentes de Menière
  • APELO - Associação do Apoio à Pessoa em Luto
    A APELO é uma instituição sem fins lucrativos que visa ajudar as pessoas que sofreram perdas emocionais profundas (por morte, divórcio, perda de fontes de expectativas de afecto e danos ao amor).
  • Associação de Apoio aos Doentes Depressivos e Bipolares
    Fundada em 5 de Junho de 1991 por um grupo de doentes, familiares, médicos e técnicos de saúde mental, a ADEB é uma instituição particular de solidariedade social que, em consonância com seus objectivos estatutários, coloca em prática valências e serviços de apoio no campo da reabilitação, educação para saúde e prevenção da doença unipolar ou bipolar.
  • Associação dos Familiares e Amigos dos Anorécticos e Bulímicos
    A Associação dos Familiares e Amigos dos Anorécticos e Bulímicos (AFAAB) tem como objectivos dar apoio e defender os direitos dos doentes com anorexia e bulimia, através do encaminhamento às consultas de DCA e do aconselhamento às famílias. A AFAAB tem desenvolvido sobretudo acções de informação e prevenção, desempenhando um papel importante para o conhecimento da doença.
  • Associação Educativa para o Desenvolvimento da Criatividade
    A Associação Educativa para o Desenvolvimento da Criatividade é uma associação científico-pedagógica sem fins lucrativos que tem por objectivo promover o estudo científico e o desenvolvimento da criatividade e das suas múltiplas aplicações nos diversos domínios da criatividade humana.
  • PUB


  • Associação Luso Brasileira de Transpessoal
    A Associação Luso Brasileira de Transpessoal (ALUBRAT) nasceu em Setembro de 1996, como uma associação de profissionais licenciados em vários ramos do saber, nomeadamente ligados à saúde, educação, cultura e artes, que compartilham a orientação transpessoal. Os seus objectivos são de índole científico-cultural, não lucrativos, propondo-se contribuir para o desenvolvimento de novos paradigmas científicos, promovendo a integração e a transdisciplinaridade entre diferentes saberes e culturas, no sentido de uma imagem compreensiva e integrada do ser humano.
  • Associação Nacional de Afásicos
    A Associação Nacional de Afásicos (ANA) foi constituida em 1989 como instituição particular de solidariedade social. Entre outros objectivos, a ANA pretende divulgar a perturbação (afasia) e esclarecer a comunidade e profissionais de saúde das capacidades e dificuldades da pessoa com afasia, trabalhar no sentido de aumentar a qualidade de vida da pessoa com afasia e do seu prestador de cuidados, fornecer informação, aconselhamento e apoio, e promover actividades terapêuticas e de formação.
  • Associação Nacional de Formadores e Técnicos de Formação - Talentus
    A Talentus pretende defender os interesses dos associados como Profissionais da Formação, promovendo e apoiando a sua formação e desenvolvimento profissional.
  • Associação Nacional para o Estudo e a Intervenção na Sobredotação
    A A.N.E.I.S. é uma associação portuguesa, sem fins lucrativos, fundada em Dezembro de 1998, que se destina ao estudo e à intervenção na área da sobredotação. Embora sediada em Braga, a A.N.E.I.S. tem um âmbito nacional de actuação.
  • Associação para o Estudo e Integração Psicossocial
    A Associação para o Estudo e Integração Psicossocial (AEIPS) é uma Instituição Particular de Solidariedade Social, reconhecida como pessoa colectiva de utilidade pública, criada em 1987 por profissionais, famílias e pessoas com doença mental. Ao longo da sua actividade a AEIPS tem vindo a desenvolver um conjunto de estruturas e serviços na comunidade promotores do empowerment, participação e integração social das pessoas com doença mental. Serviços disponíveis: suporte individual, desenvolvimento pessoal e social, educação apoiada, ajuda – mútua, residências comunitárias, suporte às famílias, formação para estudantes e profissionais.
  • Associação para o Planeamento da Família
    A Associação para o Planeamento da Família ( APF ) é uma Instituição Particular de Solidariedade Social (IPSS), fundada em 1967 e tem como objectivos fundamentais a promoção da Saúde, Educação e Direitos nas áreas da Sexualidade e Planeamento Familiar. A APF desenvolve a sua actividade através de 6 delegações regionais - Porto, Coimbra, Lisboa, Alentejo, Algarve e Açores (prevendo-se a abertura de uma delegação na Madeira), bem como através dos seus serviços centrais (Centro de Documentação e pedido de materiais educativos).
  • PUB


  • Associação pela Prevenção e Apoio à Saúde Mental (Associação OLHAR)
    A Associação pela Prevenção e Apoio à Saúde Mental é uma Associação de Solidariedade Social, sem fins lucrativos, que tem por objectivo a prevenção, protecção e promoção da saúde mental nas suas mais diversas vertentes, visando assegurar ou restabelecer o equilíbrio psicossocial do indivíduo, promovendo a sua integração no tecido familiar e social envolvente, e praticando preços sociais para quem não disponha de recursos económico-financeiros para os custear na sua totalidade.
  • Associação Portuguesa de Análise Bioenergética
    A Associação Portuguesa de Análise Bioenergética é uma associação de profissionais, certificados e/ou em processo de certificação para a prática psicoterapêutica da Análise Bioenergética. Filiada no Instituto Internacional de Análise Bioenergética – IIBA e na Federação Europeia de Análise Bioenergética – EFBA-P, a APAB existe desde 1984 e tem, por missão, a promoção e divulgação deste modelo psicoterapêutico, assim como a formação e a certificação de profissionais para a prática da Análise Bioenergética em Portugal. A APAB é, também, uma entidade formadora e certificadora de Supervisores e Formadores, dentro desta abordagem
  • Associação Portuguesa de Análise Bioenergética (APAB)
    A Associação Portuguesa de Análise Bioenergética é uma associação de profissionais, certificados e/ou em processo de certificação para a prática psicoterapêutica da Análise Bioenergética. Filiada no Instituto Internacional de Análise Bioenergética - IIBA e na Federação Europeia de Análise Bioenergética – EFBA-P, a APAB existe desde 1984 e tem, por missão, a promoção e divulgação deste modelo psicoterapêutico, assim como a formação e a certificação de profissionais para a prática da Análise Bioenergética em Portugal. A APAB é, também, uma entidade formadora e certificadora de Supervisores e Formadores, dentro desta abordagem.
  • Associação Portuguesa de Apoio à Vítima
    A APAV, Associação Portuguesa de Apoio à Vítima, é uma organização sem fins lucrativos fundada em 1990. A APAV tem como objectivo e actividade promover e prestar informação, protecção e apoio às vítimas de crime. Os serviços prestados são gratuitos e confidenciais.
  • Associação Portuguesa de Deficientes
    A Associação Portuguesa de Deficientes (APD) é uma organização de direitos humanos, cujo objectivo fundamental é a promoção e defesa dos interesses gerais, individuais e colectivos das pessoas com deficiência em Portugal, de forma a garantir a igualdade de participação em todas as áreas da sociedade. A APD tem carácter universal e pretende agregar todas as pessoas com deficiência, independentemente das deficiências, causas e origens.
  • Associação Portuguesa de Dislexia - APDIS
    A Associação Portuguesa de Dislexia - APDIS foi criada, na cidade do Porto, no ano 2000. Os principais objectivos da APDIS consistem em promover a investigação na área da Dislexia, formar profissionais com vista a uma maior capacitação dos contextos educativos e intervir com crianças, jovens e adultos disléxicos.
  • PUB


  • Associação Portuguesa de Documentação e Informação de Saúde
    A APDIS - Associação Portuguesa de Documentação e Informação de Saúde é uma associação sem fins lucrativos, constituída em 5 de Fevereiro de 1991, e que tem como finalidade o desenvolvimento da documentação e Informação de Saúde no País e a sua articulação com sistemas ou redes nacionais e internacionais, de modo a contribuir para a investigação, formação de pessoal e desenvolvimento de cuidados de saúde em Portugal.
  • Associação Portuguesa de Doentes de Parkinson
  • Associação Portuguesa de Estudos da Primeira Infância APEPI
  • Associação Portuguesa de Gestores e Técnicos de Recursos Humanos
    A APG foi fundada em Outubro de 1964 e é uma associação cultural e científica sem fins lucrativos. Congrega pessoas que se dedicam à gestão de pessoal ou exercem funções de chefia ou especializadas nesta área, nomeadamente Directores de Recursos Humanos, Chefes de Pessoal, Administradores de empresas de vários sectores, assim como formadores, consultores e estudantes universitários de vários cursos (Gestão, Psicologia do Trabalho, Sociologia), associando mais de 1500 membros.
  • Associação Portuguesa de Linguística
    A Associação Portuguesa de Linguística (APL), fundada em 1984 é uma associação de carácter científico que tem como objectivos promover o desenvolvimento dos estudos linguísticos, criar espaços de debate académico para os seus associados, elaborar pareceres e formular sugestões sobre questões de investigação linguística e educação linguística. Ao longo destes dezasseis anos de existência, a APL tem-se caracterizado por uma importante actividade no domínio da realização de encontros científicos, da actividade editorial, de intervenções públicas autónomas ou no âmbito de organismos oficiais.
  • Associação Portuguesa de Musicoterapia
  • PUB


  • Associação Portuguesa de Pais e Amigos do Cidadão Deficiente Mental
    A Associação Portuguesa de Pais e Amigos do Cidadão Deficiente Mental (APPACDM) é uma Instituição Particular de Solidariedade Social sem fins lucrativos, de âmbito nacional, tendo como objectivo último a Integração e Normalização do Cidadão Deficiente Mental.
  • Associação Portuguesa de Paralisia Cerebral
    A APPC foi fundada em Lisboa, em 26 de Julho de 1960, ficando a sua criação a dever-se à iniciativa de um grupo de pais apoiados por técnicos que sentiram as dificuldades de resposta a estas crianças e jovens. Da Associação Portuguesa de Paralisia Cerebral (APPC) e com o apoio da Fundação Calouste Gulbenkian, nasceu o 1º Centro de Reabilitação para a Paralisia Cerebral no país. Sendo uma Instituição Particular de Solidariedade Social, de e para pessoas com deficiência, composta por pais, amigos, técnicos e pessoas com deficiência, passa a desenvolver a sua acção em todo o território português, através de 13 Núcleos Regionais (NR). Desenvolve a sua acção de uma forma abrangente, procurando diversificar tanto quanto possível as respostas qualquer que seja a faixa etária da população com deficiência.
  • Associação Portuguesa de Portadores de Trissomia 21
    Fundada em 1990, a Associação Portuguesa de Portadores de Trissomia 21 (APPT21) - Instituição Particular de Solidariedade Social - é uma associação de beneficência, sem fins lucrativos, cujos principais objectivos são a dinamização de todas as acções relacionadas com os aspectos científicos, educativos e sociais da doença Trissomia 21 (mongolismo ou síndrome de down).
  • Associação Portuguesa de Psicopedagogias Especiais e Reeducativas
    A Associação Portuguesa de Psicopedagogias Especiais e Reeducativas (APPER) é uma Associação científica - no campo da Psicologia, da Pedagogia e da Saúde - com objectivos de investigação, formação e consultoria privilegiadamente no terreno da Escola Inclusiva e do combate às dificuldades de aprendizagem em geral.
  • Associação Portuguesa de Psiquiatria da Infância e da Adolescência
  • Associação Portuguesa de Segurança e Higiene do Trabalho
    A APSET emerge, da necessidade de dar corpo à existência de um parceiro institucional com respiração própria, de um espaço de dinamização e debate das principais questões que se colocam a todos aqueles que exercem funções no âmbito das Condições de Trabalho em Portugal, impulsionado pela vontade de reforçar a eficácia da política nacional e do sistema de prevenção de riscos profissionais.
  • PUB


  • Associação Portuguesa de Sociologia
    Constituída em 1985, a APS é uma Associação sem fins lucrativos, de índole científica e profissional. Tem por objectivo fundamental o desenvolvimento da Sociologia e dela podem ser sócios todos aqueles que se identifiquem com esse objectivo.
  • Associação Portuguesa para o Avanço da Ciência e Inteligência Criativa
  • Associação Portuguesa para o Desenvolvimento da Carreira - APDC
    A APDC foi fundada em Maio de 2009, fruto de um interesse, partilhado por técnicos, académicos, investigadores e estudantes pós-graduados com ligação estreita com a Universidade do Minho, relativo à promoção do desenvolvimento de carreira dos portugueses e das portuguesas. Sita na mesma Universidade, esta Associação pretende ser uma referência e ponto de contacto e síntese dos múltiplos agentes que, em Portugal, contribuem para o avanço da investigação e intervenção nos domínios Vocacional e da Carreira.
  • Associação Portuguesa para o Estudo e Prevenção dos Abuso Sexuais de Crianças
    A APPEPASC é a Associação Portuguesa para o Estudo e Prevenção dos Abuso Sexuais de Crianças, criada em Portugal em 2006 com base no Child Assault Prevenion (CAP), um projecto iniciado em 1978 em Ohio, nos Estados Unidos, com a pretensão de levar a cabo trabalhos de investigação, estudo e prevenção na área do abuso sexual de crianças.
  • Associação Portuguesa para Protecção aos Deficientes Autistas
  • Grupo Português de Psiquiatria Consiliar/Ligação e Psicossomática (GPPC/LP ou C/L Portuguesa)
    "A Associação médica designada por Grupo Português de Psiquiatria Consiliar/Ligação e Psicossomática (GPPC/LP ou C/L Portuguesa), privilegia a intervenção ""consiliar"" com as componentes clínica, de formação e de investigação. "
  • Liga Portuguesa contra a Epilepsia
    A Liga Portuguesa contra a Epilepsia, existente em Portugal há mais de 25 anos, é uma associação sem fins lucrativos, de ídole científica e social, que visa a melhoria da situação das pessoas afectadas pela Epilepsia. Tem três delegações para apoio regional: Porto, Lisboa e Coimbra
  • Núcleo de Doenças do Comportamento Alimentar
    Sociedade científica portuguesa sem fins lucrativos existente desde 1995. Tem por objecto o estudo das doenças do comportamento alimentar, a assistência em hospital de doentes e a organização de reuniões científicas sobre o tema.
  • Rádio Aurora – A Outra Voz
    A ´Rádio Aurora - A Outra Voz´, fundada a 6 de Março de 2009, é um programa de rádio realizado na Unidade de Convalescença do Centro Hospitalar Psiquiátrico de Lisboa - Pólo Júlio de Matos. Com o intuito de desmistificar as doenças do foro psiquiátrico e lutar contra o estigma e a exclusão social, o projecto pretende, através dos meios de comunicação social (Rádio) e da Internet (Web, Facebook e Podcast) esclarecer, informar, criar pontes com o exterior, aproximando concidadãos que ao longo da História e ainda hoje permanecem tantas vezes separados e afastados da comunidade (e da plena vivência dos seus direitos e deveres) pelos muros da ignorância e do preconceito.
  • Sociedade Portuguesa de Arte-Terapia
    A Sociedade Portuguesa de Arte-Terapia (SPAT) foi criada em 1996, na sequência do trabalho desenvolvido por um Núcleo de Investigação organizado em 1994. Ao longo da sua existência a SPAT tem tido um desempenho dinâmico a nível da formações de Arte-Terapeutas e Arte-Psicoterapeutas e da organização do Congresso Nacional de Arte-Terapia. A nível clínico a SPAT é pioneira, em Portugal, na intervenção institucional com doentes de evolução prolongada e outros, de que resultaram protocolos com o Hospital Miguel Bombarda e Serviço de Pedopsiquiatria do Hospital do Barreiro.
  • Sociedade Portuguesa de Ciências da Educação
  • Sociedade Portuguesa de Medicina do Trabalho
    A secção de Medicina do Trabalho da Sociedade das Ciências Médicas de Lisboa é uma agremiação fundada em 1965 com o objectivo de promover o sentido de agremiação entre os seus associados e estimular o estudo da respectiva especialidade, facilitar o intercâmbio com Sociedades congéneres, organizar cursos, conferências, congressos, exposições ou outras actividades relacionadas exclusivamente com a especialidade, de acordo com a Direcção da Sociedade das Ciências Médicas de Lisboa.
  • Sociedade Portuguesa de Psicossomática
    A Sociedade Portuguesa de Psicossomática é uma associação científica sem fins lucrativos fundada em 1996 e agrupando hoje cerca de 350 sócios ligados pelo interesse comum no estudo do homem enquanto ser psicossomático. Vêm-se assim agrupando profissionais de várias especialidades predominando os psiquiatras, psicólogos, assistentes sociais, sociólogos, filósofos, enfermeiros, matemáticos, físicos, economistas e outros.
  • Sociedade Portuguesa de Sexologia Clínica
    A Sociedade Portuguesa de Sexologia Clínica (SPSC) é uma associação científica que tem por objectivo promover a divulgação de conhecimentos científicos no campo da Sexologia e o agrupamento dos técnicos que se ocupam dos problemas da Sexologia Clínica.
  • Sociedade Portuguesa de Suicidologia
    A Sociedade Portuguesa de Suicidologia (SPS) foi criada a 16 de Dezembro de 2000 e tem como objecto social a actividade científica, cultural e social, o aperfeiçoamento humano, organizativo, técnico, ético e de formação, a investigação, promoção e educação para a saúde, a concepção e a execução de projectos no domínio do estudo e investigação do suicídio e condutas suicidas.