25% dos jovens portugueses passam mais de 6 horas online e revelam sintomas de vício

A- A A+
25% dos jovens portugueses passam mais de 6 horas online e revelam sintomas de vício

Fonte: TEK.Sapo
Data: 2017-04-09

Mais de seis horas por dia “ligados”, privilégio de contactos online em relação aos presencias e a falta de atividades de lazer no mundo real são alguns dos indicadores considerados preocupantes e que resultam de um estudo realizado por investigadores do ISPA que serviu de base ao livro #Geração Cordão, de Ivone Patrão, hoje citado pelo Diário de Notícias.

A psicóloga e terapeuta familiar lembra que ignorar a internet ou proibir as crianças de usar este meio não pode ser a opção para os pais do século XXI, e que o caminho deve ser a criação de regras, que devem ser personalizadas de acordo com cada caso. Dentro das famílias deve ser criada uma regulação informal que possa ajudar os jovens a perceber os limites e as boas práticas.

Citada pelo mesmo jornal, a autora considera alarmante o facto de os jovens dizerem que têm conflitos no seio familiar e que não sentem a sua família como coesa. "É um enorme fator de risco, sobretudo para aquela percentagem que revela já dependência”, refere. Muitos dos jovens confessam facilmente a sua dependência da internet, um facto admitido por 60% dos inquiridos

 

 Ler notícia completa