Opinião

Espaço dedicado ao público em geral: aqui poderá apresentar as suas questões e dúvidas, e contar com o apoio dos utilizadores deste fórum. IMPORTANTE: leia as Regras de Utilização antes de participar
Regras do Fórum
-----------
O Psicologia.pt não é responsável pelas intervenções dos vários participantes neste Fórum, sendo o teor desses conteúdos, bem como a utilização que se faça dos mesmos, da exclusiva e total responsabilidade de cada utilizador.
Com o objectivo de permitir o total anonimato, o fórum "Pergunte ao Psicólogo" é o único onde é possível a publicação de tópicos por utilizadores não registados.
Ao mesmo tempo, e como deve ser do entendimento de todos, o carácter "anónimo" dos fóruns faz com que este espaço não ofereça condições para interações que se desenvolvam para além da mera "troca de opiniões".
É expressamente proibida neste fórum a divulgação de serviços de psicologia bem como de quaisquer contactos de psicólogos (nomes, nºs de telefone, moradas e outros contactos).
O Psicologia.pt não se responsabiliza pelo rigor técnico e científico, idoneidade e respeito pelos princípios éticos e deontológicos de toda e qualquer participação.
mariapsi
Membro Habitual*
Membro Habitual*
Mensagens: 141
Registado: quinta abr 03, 2008 12:48 pm

Mensagempor mariapsi » sexta jul 18, 2008 8:57 pm

psirui Escreveu:No entanto, por vezes, estas coisas acontecem, mas com a cena ao contrário, se bem me percebe! :wink:

Conheço mais casos de assédio por parte do terapeuta do que por parte do cliente... e um deles até é rencidente. E, dos que conheço, a maioria até são psicólogas. Obviamente que são daquelas coisas que se sabe à mesa dum café ou assim. E não são tão infrequentes quanto à primeira vista se possa pensar.

Mas há casos resolvidos a bem também. Terapeuta e cliente que souberam discernir que aquele envolvimento seria prejudicial, sobretudo para o/a cliente e que decidem terminar a relação profissional e continuar a pessoal, fora do gabinete. O/a cliente passou a ser seguido por outro profissional.
fenix
Membro Recém-Chegado
Membro Recém-Chegado
Mensagens: 19
Registado: sexta abr 11, 2008 10:55 am

Mensagempor fenix » segunda jul 21, 2008 1:13 pm

Um médico de clinica geral a quem eu pedi que me indicasse alguém na área da psicologia para eu marcar uma consulta disse-me que não o fazia pois tinha uma má experiencia, tinha recomendado um vosso colega, e a paciente mais tarde veio falar com ele pois tinha sido assediada! ele disse que desde então nunca mais fez recomendações!!!!
Parece-me que existem alguns colegas vossos que também precisam de ir "ao diva" com urgência :(
Cristina Silva
Psicólogo Registado (PT)
Psicólogo Registado (PT)
Mensagens: 800
Registado: quinta out 25, 2007 9:52 am

Mensagempor Cristina Silva » segunda jul 21, 2008 1:59 pm

fenix Escreveu:Um médico de clinica geral a quem eu pedi que me indicasse alguém na área da psicologia para eu marcar uma consulta disse-me que não o fazia pois tinha uma má experiencia, tinha recomendado um vosso colega, e a paciente mais tarde veio falar com ele pois tinha sido assediada! ele disse que desde então nunca mais fez recomendações!!!!
Parece-me que existem alguns colegas vossos que também precisam de ir "ao diva" com urgência :(


Olá Fenix, então como vai o seu processo? (refiro-me a outro post onde já nos cruzámos).

Tem toda a razão: há muitos psicólogos que precisam de "ir ao divã" urgentemente.

Em relação a esse médico, só tinha de ter dito à pessoa para fazer queixa desse profissional e não incluir todos os psicólogos na mesma bitola, pois ele não gostaria que, por causa de médicos maus profissionais e assediadores, ele também fosse incluído no mesmo saco.

Cordialmente
Cristina Silva
fenix
Membro Recém-Chegado
Membro Recém-Chegado
Mensagens: 19
Registado: sexta abr 11, 2008 10:55 am

Mensagempor fenix » segunda jul 21, 2008 9:06 pm

Olá cristina! vai muito bem...(por acaso estou a ser seguida por uma psicologa :) ), estou a brincar!!!
Eu tenho consciencia que é um processo lento ...mas apesar de só 3 meses terem passado já consigo ter outra prespectiva de algumas coisas que se passaram na minha vida, e só tendo consciência desses factos e de como eles me afectaram é que eu vou compreender o porque de tanta ansiedade, insegurança...pelo menos é o que eu sinto neste momento...
já devia ter tido tomado esta decisão a alguns anos....mas nunca é tarde para para mudar!!!
Cristina Silva
Psicólogo Registado (PT)
Psicólogo Registado (PT)
Mensagens: 800
Registado: quinta out 25, 2007 9:52 am

Mensagempor Cristina Silva » segunda jul 21, 2008 9:22 pm

fenix Escreveu:Olá cristina! vai muito bem...(por acaso estou a ser seguida por uma psicologa :) ), estou a brincar!!!


Está a brincar ou está mesmo a ser acompanhada técnicamente?

Gostei de a voltar a ler.

Saudações
Cristina Silva
fenix
Membro Recém-Chegado
Membro Recém-Chegado
Mensagens: 19
Registado: sexta abr 11, 2008 10:55 am

Mensagempor fenix » terça jul 22, 2008 4:02 pm

Estou mesmo a ser acompanhada...
O que era para ser piada era ser uma psicóloga não um psicólogo, uma vez que a questão era o assedio sexual!
Cristina Silva
Psicólogo Registado (PT)
Psicólogo Registado (PT)
Mensagens: 800
Registado: quinta out 25, 2007 9:52 am

Mensagempor Cristina Silva » segunda jul 28, 2008 6:43 pm

fenix Escreveu:Estou mesmo a ser acompanhada...
O que era para ser piada era ser uma psicóloga não um psicólogo, uma vez que a questão era o assedio sexual!


Não apanhei a piada, muito subtil e boa :)
NunoF
Membro Guru
Membro Guru
Mensagens: 1328
Registado: segunda jul 02, 2007 9:04 pm
Localização: Pizzaria

Mensagempor NunoF » quarta jul 30, 2008 12:23 am

Já iam para o privado, não? :D
M.Neto
Membro Recém-Chegado
Membro Recém-Chegado
Mensagens: 8
Registado: sexta jul 11, 2008 10:43 am

Mensagempor M.Neto » quinta ago 07, 2008 10:02 pm

Olá novamente

fui eu quem criou este assunto estão lembrados?

decidi não ir mais às sessões com o terapeuta, mas acho que a minha atitude não foi a mais correcta. Nas últimas sessões sentia-me bastante desconfortável e só pensava que a sessão nunca mais acabava. Achei que assim não valia a pena continuar, apesar de ter melhorado alguns pontos pelos quais procurei ajuda psicológica. No entanto gostava de ter sido mais sensata. Simplesmente desmarquei as consultas e deixei de ir. bloqueei o contacto no msn e mudei de número só para não ter que lhe dar qualquer justificação. eu sei que é péssimo, mas como é que poderia dizer-lhe que pretendia abandonar a terapia?
o que me fez tomar a decisão foi mais um dos comentários para mim desagradáveis. Descobri também que o terapeuta em questão faz parte de uma associação, como um dos psicólogos tinha referido anteriormente.

Acham que devo ficar-me por aqui?

Obrigado

Mª Neto
ana r.
Psicólogo Registado (PT)
Psicólogo Registado (PT)
Mensagens: 217
Registado: domingo nov 28, 2004 9:17 pm
Localização: Lx

Mensagempor ana r. » sábado ago 30, 2008 12:46 pm

Olá M. Neto

Não tinha escrito antes exactamente por me lembrar que tinha iniciado o post e já há muito este tópico nada tinha a ver consigo (aliás com alguns posts é natural que a desconfiança face aos psicólogos aumente).

Quanto às questões que coloca, não foi a sua atitude que não foi a mais correcta, foi a do terapeuta; quanto ao facto de ainda não ter segurança para enfrentar o fim da terapia e preferir fugir a uma situação incómoda, mostra que ainda não resolveu algumas das questões que a poderiam ter levado a procurar ajuda, uma vez que ainda não tem força para enfrentar o fim da relação simplesmente dizendo o que não lhe agradou na mesma. Se sente que ainda necesita de ajuda, não desista de a procurar, mesmo que inicalmente seja cansativo, como referiu, caso desta vez acerte, acredite que o balanço final será compensador.

Quanto a ficar por aqui ou fazer mais alguma coisa, a decisão é sua, mas se todos se calarem, essa pessoa vai continuar a fazer o mesmo a outra(o)s pacientes, pense nisso...

Cumprimentos
Ana R.
NunoF
Membro Guru
Membro Guru
Mensagens: 1328
Registado: segunda jul 02, 2007 9:04 pm
Localização: Pizzaria

Mensagempor NunoF » terça set 02, 2008 12:40 pm

M.Neto Escreveu:Olá novamente

fui eu quem criou este assunto estão lembrados?

decidi não ir mais às sessões com o terapeuta, mas acho que a minha atitude não foi a mais correcta. Nas últimas sessões sentia-me bastante desconfortável e só pensava que a sessão nunca mais acabava. Achei que assim não valia a pena continuar, apesar de ter melhorado alguns pontos pelos quais procurei ajuda psicológica. No entanto gostava de ter sido mais sensata. Simplesmente desmarquei as consultas e deixei de ir. bloqueei o contacto no msn e mudei de número só para não ter que lhe dar qualquer justificação. eu sei que é péssimo, mas como é que poderia dizer-lhe que pretendia abandonar a terapia?
o que me fez tomar a decisão foi mais um dos comentários para mim desagradáveis. Descobri também que o terapeuta em questão faz parte de uma associação, como um dos psicólogos tinha referido anteriormente.

Acham que devo ficar-me por aqui?

Obrigado

Mª Neto


Porque não fazer queixa por assédio?
Vendo pizzas congeladas :D
aniger
Psicólogo Registado (PT)
Psicólogo Registado (PT)
Mensagens: 769
Registado: quinta mar 01, 2007 12:23 am

Mensagempor aniger » terça set 02, 2008 10:27 pm

NunoF Escreveu:
M.Neto Escreveu:Olá novamente

fui eu quem criou este assunto estão lembrados?

decidi não ir mais às sessões com o terapeuta, mas acho que a minha atitude não foi a mais correcta. Nas últimas sessões sentia-me bastante desconfortável e só pensava que a sessão nunca mais acabava. Achei que assim não valia a pena continuar, apesar de ter melhorado alguns pontos pelos quais procurei ajuda psicológica. No entanto gostava de ter sido mais sensata. Simplesmente desmarquei as consultas e deixei de ir. bloqueei o contacto no msn e mudei de número só para não ter que lhe dar qualquer justificação. eu sei que é péssimo, mas como é que poderia dizer-lhe que pretendia abandonar a terapia?
o que me fez tomar a decisão foi mais um dos comentários para mim desagradáveis. Descobri também que o terapeuta em questão faz parte de uma associação, como um dos psicólogos tinha referido anteriormente.

Acham que devo ficar-me por aqui?

Obrigado

Mª Neto


Porque não fazer queixa por assédio?


Concordo
Imagem
Ψ Mestrado em Psicologia Clínica
M.Neto
Membro Recém-Chegado
Membro Recém-Chegado
Mensagens: 8
Registado: sexta jul 11, 2008 10:43 am

Mensagempor M.Neto » quarta set 03, 2008 10:52 pm

mas de que forma é que posso provar que o que estou a dizer é verdade?
até porque o dito pode sempre alegar que tenho perturbações, daí ter recorrido à sua prática clínica.

não sei se vale a pena... só por isso.

Outra questão já agora, os psicólogos fazem voluntariado? sem ser em instituições carenciadas ou do género?
Cristina Silva
Psicólogo Registado (PT)
Psicólogo Registado (PT)
Mensagens: 800
Registado: quinta out 25, 2007 9:52 am

Mensagempor Cristina Silva » quarta set 03, 2008 11:34 pm

M.Neto Escreveu:mas de que forma é que posso provar que o que estou a dizer é verdade?
até porque o dito pode sempre alegar que tenho perturbações, daí ter recorrido à sua prática clínica.

não sei se vale a pena... só por isso.

Outra questão já agora, os psicólogos fazem voluntariado? sem ser em instituições carenciadas ou do género?


M.NETO, nenhum técnico pode alegar que alguém tem perturbações sem mais nem menos, e sem que prove e fundamente (através de testes e avaliações específicas) de tal situação.

Quanto a provas, não disse que ele lhe enviava sms´s? Se não os apagou, isso é uma prova de má conduta por parte de um técnico de psicologia (nomeadamente os conteúdos do mesmo). E agora, lembre-se que já temos uma ORDEM, provavelmente ainda muito embrionária em termos de funcionamento, mas não perde nada em contactá-la para saber como deve agir.

Quanto ao voluntariado, infelizmente, há psicólogos a fazer voluntariado como técnicos, em Instituições Públicas, onde eventualmente iniciaram o seu estágio académico (ou não) e depois de profissionalizados, continuam nas Instituições para garantir a continuidade do trabalho com os pacientes, mas não ganham um tostão porque o sistema não abre formas de integração para os psicólogos (e não só).
É um problema que o Sistema não resolve, nem sei se irá resolver, mas esperemos que a nossa ORDEM, a seu tempo se empenhe nesta questão que todos os psicólogos condenam, apesar de às vezes o fazerem em prol do exercício, da experiência profissional e dos pacientes.
Foi o meu caso, que trabalhei durante 3 anos num Hospital Público (e trabalhar à séria, em que o trabalho não faltava), sem receber um tostão, com a categoria de psicóloga clínica – em regime de Estágio Profissional Voluntário. Para garantir o sustento nessa altura, tive de trabalhar num part-time que nada tinha a ver com as minhas habilitações e qualificações.

Nunca mais o farei, pois como todos os profissionais, temos de ser pagos pelos serviços que prestamos. Se quiser ser voluntária, faço-o em paralelo e noutro âmbito qualquer.

Penso que continuam a existir centenas e centenas de psicólogos nesta situação, e o sistema, apesar da necessidade, não os integra (contribuindo para o grande desemprego que todos sabemos) mas aproveita-se desta mão-de-obra muito qualificada, desta forma gratuita, pois necessita dela.

Espero ter esclarecido.

Cordialmente
Cristina Silva
AbLaZe
Psicólogo Registado (PT)
Psicólogo Registado (PT)
Mensagens: 1498
Registado: sexta jun 01, 2007 12:27 pm
Localização: Neverland

Mensagempor AbLaZe » quinta set 04, 2008 9:46 am

M. Neto, apresente queixa à Associação da qual esse profissional faz parte. Neste momento, e para não deixar esfriar o assunto (o que só iria abonar em favor do assediador), é a melhor coisa a fazer. A Ordem nem às perguntas dos seus futuros membros dá resposta, portanto não vá por ela.

Por outro lado, no seu lugar tinha uma conversa franca com esse psicólogo. É óbvio que nunca chegaram a uma relação terapêutica. Não olhe para o seu psicólogo como um ser superior e intangível, ou nunca vai chegar a resultados satisfatórios na terapia. Digo isto tanto em relação a este senhor como em relação a qualquer futuro terapeuta que a acompanhe.
Vi Veri Veniversum Vivus Vici
NunoF
Membro Guru
Membro Guru
Mensagens: 1328
Registado: segunda jul 02, 2007 9:04 pm
Localização: Pizzaria

Mensagempor NunoF » quinta set 04, 2008 11:59 am

M.Neto Escreveu:mas de que forma é que posso provar que o que estou a dizer é verdade?
até porque o dito pode sempre alegar que tenho perturbações, daí ter recorrido à sua prática clínica.

não sei se vale a pena... só por isso.

Outra questão já agora, os psicólogos fazem voluntariado? sem ser em instituições carenciadas ou do género?


Se grava as conversas, os peritos vão ver :lol: :lol: :lol: :lol:
Vendo pizzas congeladas :D

Voltar para “Pergunte ao Psicólogo”

Quem está ligado:

Utilizadores neste fórum: Nenhum utilizador registado e 3 visitantes