Psicopatologia do trabalho e a peste emocional

2006
franciscotosta@brturbo.com
Graduado em Administração de Empresas pela PUC/PR, Brasil. Acadêmico de Psicologia da Universidade Tuiuti do Paraná, Brasil. A frequentar a especialização em Psicologia Corporal, no Centro Reichiano, Curitiba/PR, Brasil

A- A A+

Psicopatologia do trabalho e a peste emocional Mobilização do sistema familiar no processo de reabilitação profissional

O presente artigo, baseado numa revisão teórica, tem como objetivo abordar as psicopatologias do trabalho e a suas relações com a peste emocional. Pretende-se, a partir de uma visão Reichiana, indicar as questões coletivas que promovem as doenças no ambiente organizacional, suas conseqüências que abrangem todo o cotidiano dos seres humanos inseridos dentro destas organizações, bem como, algumas particularidades da própria enfermidade.

 Ler texto integral em PDF